diabetes-tipo-2

Se você sofre com a diabetes Tipo 2, você sabe que deve levar um estilo de vida mais cauleteloso e cheio de cuidados para manter o controle da doença. Mas existem 10 coisas que todo diabético deve saber e estamos aqui para te contar.

Os sintomas de diabetes tipo 2 e as consequências da doen ça podem se agravar quando não controlados, por isto é importante manter hábitos saudáveis e principalmente cuidados com a alimentação

São alvos mais comuns da diabetes tipo 2, pessoas que estão acima do peso, sedentárias com idade avançada e que não possui hábitos alimentares balanceados e saudáveis e esta é a razão pela qual o número de pessoas com a doença vem crescendo a cada ano, significativamente. A má notícia é que ainda que mais comum, o surgimento da doença em pessoas com os perfis acima, o número de ocorrência em pessoas jovens está também aumentando.

A diabetes mellitus tipo 2 pode ser identificada através de avaliações da glicemia periodicamente. Assim, pessoas com chances de desenvolvimento da doença devem estar atento. É o caso de pessoas com histórico familiar ou que se encaixem nas características que o colocam em risco, como por exemplo, pessoas obesas.

O que é diabetes tipo 2?

controlar-diabetes-tipo-2

Mas você sabe exatamente o que é diabetes tipo 2? É o tipo de diabetes que caracterizado pela pouca ou nenhuma produção de insulina pelo pâncreas. Outra característica desta doença é a incapacidade que o organismo pode apresentar, de utilizar eficientemente a insulina produzida. é o que chamamos de resistência à insulina. a sobrecarga que acomete o pâncreas para suprir o problema faz com que o órgão começe a não ser mais tão eficiente em sua produção, o que põe em risco a saúde do paciente o pré-dispondo a uma série de problemas como o AVC’s e infartos provocados pela falta de oxigenação. A partir de então, os sintomas de diabetes tipo 2 começam a aparecerem.

Diabetes sintomas iniciais:

*Perda de peso sem causa;

Coisas que você precisa saber sobre Diabetes Tipo 2

*Boca seca;

*Sensação de formigamento nas mãos e nos pés;

*Cansaço excessivo e frequente;

*Vontade frequente de urinar.

10 coisas que você precisa saber sobre diabetes do tipo 2

Algumas informações são são importantes e todo diabético precisa saber e é pensando nisto que relacionamos 10 destas informações, anote aí:

o-que-você-precisa-saber

1 – Glicose 220 é diabetes – Há uma dúvida muito grande quanto aos valores de glicose que são considerados diabetes ou não. Se por exemplo glicose 220 é diabetes e a resposta é sim. Claro que o resultado é diferente para cada perfil de pessoa. A hiperglicemia acontece com maior frequência em pacientes com diabetes do tipo 1. Pacientes com diabetes mellitus tipo 2 passam pelo aumento da glicose mais lentamente, o que em muitas das vezes, faz com que a doença passe despercebida e seja descoberta depois de passado muito tempo.

2 – Diabetes do tipo 2 é a combinação da deficiência na produção de insulina com a resistência do organismo à ação do hormônio. O Tipo 2 da diabetes mellitus é o tipo mais comum e corresponde a pelo menos 95% dos casos em todo o mundo.

o-que-você-precisa-saber

3 – As dietas para diabético devem ser bem elaboradas. Seguir dietas da moda, dietas muito restritivas pode surtir efeito inverso do esperado e piorar os sintomas do problema. O consumo calórico assim como o consumo de carnes e alimentos embutidos, açucares e bebidas alcoólicas deve ser reduzido, enquanto se deve priorizar o consumo de alimentos integrais, ricos em fibras, frutas e legumes.

4 – Não existem estudos que comprovem que bactérias intestinais relacionadas à obesidade sejam a causa de diabetes, assim, se descarta mudanças de hábitos alimentares, tomado como padrão, este quesito;

5 – Quando os valores glicêmicos são iguais ou ultrapassam o valor de 200 mg/dl e são acompanhados de sintomas comuns de diabetes, ainda que colhidas de forma aleatória, pode confirmar o diagnóstico de diabetes do tipo 2.

o-que-você-precisa-saber

6- O diagnóstico é normalmente feito através do teste glicemico em jejum. Neste caso se o valor for igual ou maior que 126 mg/dl. Quando não é feito em jejum, o paciente deve se submeter ao exame duas horas após a ingestão de glicose e o resultado será positivo se o valor for igual ou maior que 200 mg/dl.

7 – Devido ao grande número de pessoas sedentárias em todo o mundo, o número de pacientes diagnosticado com diabetes tipo 2 vem aumentando significativamente a cada ano

sedentarismo

8 – Pré-diabéticos embora não apresentem sintomas da doença, tendem a apresentar problemas de saúde mais sérios como infartos do miocárdio e AVC.

o-que-você-precisa-saber

9 – Diabetes do tipo 2 somente se manifesta em pessoas com pré disposição à doença, assim, pessoas com caso do problema em familiares, devem estar com a atenção dobrada e prevenir sempre.

10 – Valores de glicemia em jejum entre 100 e 125 mg/dl ou com valores entre 140 e 199 mg/dl após a ingestão de glicose caracterizam o diagnóstico de pré-diabetes. Estes valores se arrastam por anos. Vale lembrar que estes valores não são considerados valores normais, contudo não são altos o suficiente para serem considerados como diabetes.

Estas foram algumas informações para você que é diabético e também para você que apenas quer se informar sobre a doença. Manter hábitos saudáveis diariamente são importantes para diminuir os riscos impostos pela doença. Atividades físicas regulares e uma alimentação balanceada podem ajudar a prevenir à doença. Fica a dica!